Após ataque de tubarão, surfista dispensa hospital e vai para o bar

É impressionante uma pessoa sobreviver ao ataque de um tubarão, mas dispensar atendimento médico é uma atitude incomum e, mais ainda ir para o bar.

Por mais difícil que pareça ser verdade, o surfista Frank O’Rourke viveu essa assustadora experiência de ter sido atacado por um tubarão nos Estados Unidos, em Jacksonville.  É até chocante saber que uma pessoa foi atacada por um animal que é feroz e na maioria das vezes até mata o ser humano, dependendo da espécie e do tamanho, as mordidas são fatais. Pessoas que passaram por isso, perderam pernas, braços ou até parte do rosto, outras relatam ter perdido a visão de um dos olhos.

Como quase sempre acontece, o ataque do tubarão ao surfista aconteceu sem que o rapaz tivesse tido tempo de perceber a presença do animal, não tendo chance de impedir ser mordido.

“O tubarão mordeu o meu cotovelo, me puxou e começou a se debater. Mas acho que ele sentiu o meu gosto e acabou desistindo”, contou o surfista ao canal de televisão ABC News, “Eu estava chocado quando aconteceu, então eu não senti muita dor”.

“Se ele realmente quisesse, ele poderia ter machucado mais o meu braço”, conta o jovem, que ainda disse que o tubarão, que estava perto da superfície, tinha cerca de um metro. Após conseguir se livrar do animal, o surfista correu até a praia para procurar ajuda e foi atendido pelos salva-vidas.

 “Quando você está no mar qualquer coisa pode acontecer”, prosseguiu o surfista no relato; “Mas isso não vai me tirar da água, eu certamente vou voltar”.

Segundo testemunhas, uma delas contou que o jovem se recusou a ir para o hospital queria comemorar estar vivo após o ataque; “Ele disse que estava bem, chegou ao bar e falou: ‘eu fui mordido por um tubarão’ e as pessoas compraram bebidas para ele.”


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇

Written by Marcel Mattos

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Ticiane Pinheiro mostra quarto de sua bebê e decoração impressiona

TRAGÉDIA: Caminhão bate ônibus escolar ; 3 crianças mortas muitas hospitalizadas até o momento