Casal de lésbicas matou os 6 filhos adotivos; diz polícia

Mais um caso chocante teve a investigação concluída pela polícia dos Estados Unidos.

Segundo a investigação, o que inicialmente parecia ter sido um acidente, foi planejado pelas duas mulheres, que vivam como um casal e conseguiram adotar 6 filhos.

De acordo com a polícia, peritos concluíram quem o acidente que matou toda família em  Fort Bragg, no norte da Califórnia foi causado propositalmente.

As mulheres que estavam com os filhos no carro e voaram de um penhasco, estavam sendo investigadas pelas autoridades por negligência e maus tratos, depois que os filhos fugiram de casa e pediram socorro seguidas vezes aos vizinhos, se queixando de fome.

Testes toxicológicos mostraram que Jennifer Hart, que dirigia o carro, tinha um nível alcóolico de 0.102, disse o capitão de Patrulha da Califórnia, Bruce Carpenter. Motoristas na Califórnia são considerados alcoolizados com um nível de 0.08 ou acima disso.

Testes também revelaram que sua esposa, Sarah Hart, e dois de seus filhos tinham uma “quantidade significativa” de um ingrediente normalmente encontrado na droga antialérgica Benadryl, que pode deixar pessoas sonolentas.

Alguns corpos dos filhos não foram encontrados.

Além disso, nenhum deles usava cinto de segurança, e o exame do GPS do carro e do local, comprovou que o veículo fez uma curva brusca em aceleração proposital para a direção do penhasco.

O caso ocorreu em 2018, mas a conclusão das investigações só foram divulgadas agora.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇

Written by Marcel Mattos

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Bebê de 1 mês tem pênis amputado após erro durante circuncisão

Marília Mendonça exibe barriga de grávida aparente pela 1ª vez