in

Mãe induz parto 15 dias antes, para que marido com câncer terminal pudesse conhecer a filha

Diane Aulger, já havia 4 filhos quando teve a notícia de que seria mãe pela quinta vez, mas seu marido que já havia lutado contra um câncer, estava com uma fibrose pulmonar.

Os médicos não tiveram dúvidas e disseram a família que Mark Aulger tinha apenas mais alguns dias de vida, pouco mais de uma semana.

A mulher não pensou duas vezes, pois queria que o pai pudesse conhecer a pequena Savannah.

A mãe então combinou tudo com os médicos e o parto foi feito junto com Mark, para que em seus últimos dias ele pudesse participar de tudo.

 Savannah nasceu em 18 de janeiro e Mark foi a primeira pessoa a segurá-la. “Quando a enfermeira limpou a bebê e a entregou para o meu marido, deu para ver o sofrimento em seus olhos. Mesmo assim ele conversou com ela e disse que ele era seu pai e que a amava”, disse Diane.

No dia seguinte ao parto, o pai pode pegar a filha mais um pouco em seus braços e se despedir dos outros filhos.

Logo depois Mark entrou em coma e morreu dois dias depois.

“Ele já estava em coma por 48 horas e dava para ver sua frequência cardíaca diminuindo no monitor. Sabia que, em breve, ele iria falecer. Então, coloquei a bebê em seus braços até ele parar de respirar”, conta Diane. “Eu sinto sua falta. Nós estavamos muito, muito, muito apaixonados”, completa Diane, que acredita que o marido continuará presente para acompanhar o crescimento dos cinco filhos do casal.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇

What do you think?

Written by Silvia Cardoso Souza

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Loading…

0

Menino autista que sonha ser youtuber ganha 20 inscritos e se emociona

Pedro Scooby nega que Piovani tenha jogado suas roupas pela janela