in

Uber vai permitir que motoristas mulheres transportem apenas passageiras

Os aplicativos de transporte trouxeram inúmeros benefícios à população de modo geral.

Pessoas estão deixando de usar carro particular e preferem a facilidade do carro chamado pelo aplicativo, que além de preço acessível, alivia o estresse causado pela busca de estacionamento nas grandes cidades e também a preocupação com o veículo.

Mas algumas pessoas também já sofreram situações desagradáveis e até mesmo foram vítimas de crimes como estupro em casos extremos, tanto os passageiros, quanto motoristas.

Pensando nisso, o aplicativo Uber resolveu criar uma nova opção tanto para as motoristas, quanto para as passageiras mulheres.

A empresa criou o ‘Elas na direção’, em parceria com a Rede Mulher Empreendedora, visando crescer e fortalecer a comunidade de mulheres que dirigem para a Uber no Brasil. Dentro da iniciativa, existe a possibilidade de que as profissionais tenham a opção de receber somente chamadas de passageiras mulheres.

“A Uber acredita que todo movimento é capaz de gerar oportunidades e que as oportunidades devem ser iguais. Por isso, estamos criando uma plataforma para contribuir com que mais mulheres assumam a direção das suas vidas e tenham novas alternativas de renda, conquistando seus objetivos, sua independência pessoal e financeira”, afirma a empresa.

O projeto começou em Campinas, Curitiba e Fortaleza  a partir de outubro de 2019 em um formato piloto, mas existem planos de expansão para todo o país a partir do ano que vem. A empresa promete que a iniciativa contará com ações exclusivas para as atuais mulheres motoristas e também as que desejam dirigir para a Uber.


Qual sua opinião? Escreva abaixo👇

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Bebê luta pela vida após mastigar chiclete de nicotina da mãe e ela desabafa

Jovem adota cachorro com câncer para dar a ele um lar em seus últimos dias